Skip to content

Moda e meio ambiente: Camisetas que funcionam como indicadores de poluição

01/02/2011

Olá encantados,

Hoje em dia, mais do que nunca,  a moda tem se aliado a conceitos de sustentabilidade, não só no uso de materiais, como também na divulgação da defesa da natureza e do meio ambiente. Achei muito interessante essa nova criação que faz parte dessa vertente.

capa.jpg

Uma invenção de dois estudantes da Universidade de Nova York transformou simples camisetas em indicadores de poluição. São dois modelos, um com a estampa de um coração e outra com o desenho de um pulmão, que ganham tonalidades azuis quando entram em contato com o ar poluído.

Segundo os criadores das peças, a intenção era mostrar às pessoas o que acontece quando elas respiram o ar poluído das grandes cidades. “Os órgãos do seu corpo são invisíveis para você, assim como a poluição e os outros assassinos em silêncio lá fora”, diz Nien Lam, um dos criadores da camisa.

A escolha dos órgãos não foi por acaso, já que o coração e o pulmão são os que mais sofrem com a poluição. Para destacar as veias em azul, a dupla fixou um pequeno sensor de monoxido de carbono na camiseta que ao detectar poluentes envia sinais elétricos através de fios para as estampas.

Por serem feitas de tecido termocrômico, ao receberem o calor dos fios os desenhos mudam de cor e criam o efeito. Assim, fumaças de escapamento dos carros, de fábricas e até de cigarros são detectadas e “exibidas” através da camisa.

“Este é um lembrete severo para si e para outros ao seu redor”, alerta Sue Ngo, co-autora do projeto.

As camisetas ainda são apenas protótipos, mas os alunos já estão estudando formas de barateá-las, para tornar os modelos acessíveis para a população. Por enquanto, a confecção de cada camisa custa cerca de US$60,00.

Eles também estão experimentando modelos com outros tipos de sensores – incluindo um detector de álcool. “Assim, quando você ingerisse álcool, o sensor captaria e alteraria a cor do seu fígado”, explica Sue.

Veja como funciona a camisa no vídeo abaixo:

 

Fonte: http://www.ecodesenvolvimento.org.br

Anúncios
One Comment leave one →
  1. 01/02/2011 16:09

    Muito bacana! Vou querer comprar uma só pra fazer muitos testes de comparação, usando na roça e aqui em BH…. Aliás, vou levar a minha para todos os lugares… rs! beijos!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: